Estou dizendo que te amo

- Isso não é justo- eu dizia rindo muito, coisa que eu não fazia há um bom tempo.
Ele continuava a fazer cócegas em mim naquele sofá, enquanto sorria e me encarava:
- Claro que é, eu amo te fazer rir.
Sorri mais um pouco, enquanto me recuperava, e ele se arrumava no sofá. Ele me encarava com aqueles olhos tão brilhantes. Eu nem sabia como estava parecendo. Meu cabelo caia sobre o olho. Ele se aproximou e os afastou com delicadeza. Encabulada, olhei para baixo querendo não encarar seus olhos. Estávamos há muito tempo juntos, mas ele sempre me intimidava. O poder que ele tinha sobre mim era  de outro mundo. Sorri, sentindo meu rosto corar, enquanto ele apenas me olhava, parecendo analisar cada detalhe do meu rosto, ou gravar cada um deles. Peguei uma das mechas do meu cabelo e enrolei nos dedos brincando com eles, tentando me acalmar.
- O que foi? Porque está me olhando assim?
Ele sorriu e chegou mais perto:
- Isso te incomoda?
- Um pouco- deu um pequeno sorriso ainda mais encabulada- É estranho ver você me encarando.
- Não estou te encarando, estou te admirando. Você é tão linda. Como não te conheci antes?
Abri um largo sorriso, e senti meu coração palpitar dentro do peito. Nunca me cansaria dele. De amá-lo com todo meu coração. Esses 6 meses juntos tem sido maravilhosos. É tudo que eu nunca vivi. Me aproximei dele passando a mão em seu rosto:
- Não seja bobinho, eu estou aqui agora, e vou ficar sempre, se você quiser.
Ele sorriu mais ainda, e me puxou para um abraço, me aconchegando em seu peito enquanto me envolvia em seus braços. Fechei os olhos, inalando o seu cheiro, e não querendo sair dali nunca mais. Eu queria tanto dizer aquelas palavras. Queria tanto dizer que o amava. Mas alguma coisa me impedia. Eu necessitava ouvir dele. Precisava ter a confirmação de que o que eu estava sentindo era o mesmo
Ele beijou minha testa e me afastou para me olhar, enquanto passava a mão em meu cabelo:
- Você sabe o que sinto por você não sabe?
Eu pisquei incerta, ainda olhando pra ele enquanto desviei o olhar e encarei o chão por alguns segundos:
- Eu sei sim.
Ele mudou a expressão parecendo não convencido,ele sentiu que aquilo não soou totalmente sincero. E não foi. Mas pegou meu rosto entre suas mãos:
- Minha Linda, acho que eu não preciso provar mais o quanto eu gosto de você. Achei que soubesse disso. E não duvidasse disso.
Eu enchi os olhos de lágrimas, eu não podia chorar ali. Eu precisava ouvir ele dizer. Meu coração precisava daquilo.
- Desculpa, eu sei disso. Sei o que sente por mim. Só acho que talvez, nós..- hesitei, não sabia se podia completar aquela frase.
- O que? Fala pra mim. -pediu ele
Engoli em seco, respirando fundo:
- Talvez nós estejamos sentindo coisas diferentes.
Ele pareceu surpreso, mas um pouco decepcionado. Ele se afastou, se endireitando no sofá e ainda me olhando:
- Você acha mesmo?
- É o que acho- disse respirando.
Eu ia me calar, ia deixar por isso mesmo. Mas não consegui me conter, saiu quase como um alívio:
- Você nunca disse que me amava.
Ele ainda me encarava com expressões que eu não conseguia decifrar,enquanto virei de costas e passei as mãos sobre os olhos impedindo as lágrimas. Senti seu braço me virar para ele, enquanto ele me encarava sorrindo docentemente:
- Menina, como você é boba. Eu estava esperando o momento certo. Fiquei inseguro, você também nunca disse.
- Eu estava com medo. Medo de você não me amar.
- Como pode pensar isso, minha linda? Eu estava com receio de dizer, mas queria dizer de coração e na hora certa. E é essa hora. Sabe porque?

Eu neguei com a cabeça, nem ligando se iria chorar ou não:
- Porque é olhando pra você agora que eu tenho a certeza do porque eu te amo.
Sorri igual uma verdadeira boba.Ele se aproximou e pegando as minhas mãos e as entrelaçando nas dele continuou:
- Minha linda, eu te amo. Eu amo fazer você rir quando faço cócegas na sua barriga. Eu amo seu lindo sorriso. Amo seus olhos brilhantes e seu cabelo que cai no olho. Amo o jeito que morde o lábio quando está ansiosa ou com vontade de fazer algo. Amo o modo que fala sem parar quando está empolgada. Amo o jeito de me abraçar, o jeito de me envolver e só te amar cada dia mais. Palavras não seriam suficientes, mas é por esses e mais milhões de motivos que eu te amo. EU TE AMO LINDA! e posso dizer quantas vezes quiser ouviu?
Ele deu uma risada curta, enquanto eu sorria, com rosto já manchado de lágrimas, enquanto eu me aproximei e passei os dedos em seu rosto carinhosamente:
- Por que está chorando amor?- ele me questionou
Sorri emocionada, aquilo tinha sido a coisa mais linda que tinha ouvido e foi sincera:
- Por que eu também te amo, com todo meu coração.
Então ele me abraçou, e beijou meus lábios com intensidade, deixando transbordar todos os sentimentos e emoções daquele momento. Eu sorri, ainda chorando um pouco enquanto ele se levantou me pegou no colo e me rodou pela sala. Gritei com medo de cair, enquanto ele ria e gritava:
- Eu te amo, eu te amo!
Meu coração batia aliviado dentro do meu peito, pela primeira vez ele não tinha mais tanto medo de se entregar porque ele estava amando novamente.

Comentários
11 Comentários

11 comentários:

  1. Awwwn que lindo e fofo esse texto >.< Parabéns flor, você escreve muito bem, queria muito que alguém me dissesse as coisas desse texto haha !E adorei os gifs, são do Um amor p. Recordar né? <3
    Beijoocas :*

    http://meuuniversox.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii linda são sim de um amor para recordar obrigada pelo carinho viu? e por sempre vir por aqui...:D Também queria alguém pra me dizer isso haha beijocas

      Excluir
  2. Lindo, lindo e lindo....
    Perfeito,as palavras são belas e trazem um conforto e tanto quando ditas na hora certa né?
    E como sempre você está escrevendo super bem...
    Beijinhos
    sonhos-constantes.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pietra sua linda obrigada pelo carinhoooo voce como sempre sendo fofaa um beijo enorme e obrigada pelo seu comentário é mt importante pra mim

      Excluir
  3. AAAh, se esse texto aqui já é perfeito, imagina o livro!! kkkk
    Ameeei, gente! Você escreve super bem!!
    Lindo!!
    Beijo
    www.batomdeframboesa.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Giulia obrigada lindaaaaaa
      espero q se vc compre o livro q goste mt dele
      biejooo e volte sempre

      Excluir
  4. Nossa amei , tu manda bem Cyh . Parabéns e sucesso
    E beijinhos <3

    http://diamonds-ofworld.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Ah e só para lembrar , ganhou mais uma seguidora <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigadaaaaa lindaa de coração
      espero vc sempre por aqui

      Excluir
  6. Perfeitoooooooo!

    bjs
    http://blogvidinhaminha.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Voando Sozinha | Cybelle Santos © Todos os direitos reservados.