Indicação de filme: CyberBully

Assisti esse filme tem uma semana aqui mesmo no youtube e adorei. Cyberbully traz um enredo que todo mundo já conhece mas ninguém presta realmente muita atenção. Original da ABC Family, o filme mostra como o bullying e aquelas brincadeirinhas que parecem ser sempre inofensivas e com as melhores intenções afetam a vida social de uma pessoa. Taylor é uma adolescente que não fala com o pai desde que ele soube que o mesmo traia a mãe. Em seu aniversário ela ganha um notebook e acaba participando de uma rede social comum na sua escola.


Com suas 2 melhores amigas, ela acaba gostando de um carinha na escola e interage com ele nessa rede, de repente um outro rapaz que parece ser super gentil adiciona ela pela internet e eles começam a conversar. Taylor abre seu coração e conta todas as coisas. De repente ela vê seu mundo desabar quando o suposto cara inventa boatos sobre ela. E as garotas populares da escola começam a xinga-la e usar nomes ofensivos. Os boatos começam a aumentar e o carinha que ela estava gostando se afasta dela. Assim como uma de suas amigas. Taylor acaba descobrindo que o perfil é fake, e tenta cometer suícidio. Logo depois ela finalmente descobre quem criou aquele perfil . Não vou contar por que é spoiler! rs. Confesso que chorei em algumas partes do filme, e fiquei com o coração na mão. Esse filme mostra bem a realidade das pessoas que sofrem com isso e merce ser visto e dado atenção. Além de passar uma mensagem importante que não importa o que digam de você,no final são apenas palavras cabe a você ser forte e não deixar se abater, e principalmente , dar o devido valor a coisa mais preciosa que temos: nossa vida. Traz Emily Osment ( a Lilly de Hannah Montana) no papel principal e confesso que eu adorei, a Emily representou bem esse papel. Recomendado!


Cyberbully conta a história de Taylor Hillridge (Emily Osment), uma adolescente que se torna vítima de bullying online. Quando sua mãe (Kelly Rowan) lhe dá um computador de aniversário, Taylor se anima pela perspectiva de liberdade e independência de se conectar sem a mãe sempre olhando. Mas Taylor logo se descobre vítima de bullying enquanto visita uma rede social, e, com medo de encarar seus colegas na escola, inclusive sua melhor amiga Samantha (Kay Panabaker), ela é forçada ao limite.





Comentários
8 Comentários

8 comentários:

  1. Cyh :D
    Já vi esse filme é lindo, apesar de dramático. Realmente as pessoas não atentam para essa realidade e continuam praticando o bullying. Não acredito que um dia isso vai acabar, porque as pessoas são más, mas espero que aqueles que sempre ficam de boca fechada e não falam sobre isso, comecem a falar.

    Adorei o post!
    PS: To seguindo sua fã page :)
    Pode me ajudar seguindo a minha? Criei a pouco tempo

    Beijinhos
    www.facebook.com/storytimeblog

    ResponderExcluir
  2. Oii,ja vi esse filme,e me emocionei,isso acontece muito nessa faze na faze de estudante.O filme e meio triste mas e muito lindo.Bjss adorei o blog ja estou seguindo.
    http://nossocf.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Vi esse filme, muito triste, curti muito a história e achei super legal e mostrei pras minhas professoras e elas tão montando um projeto sobre isso :3 http://acheieescrevi.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Caramba, que forte! Gosto bastante de filmes sobre esses assuntos, preciso ver esse!

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Nunca assisti, mas fiquei bem curiosa em ver!
    http://theclassicblack.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. É muito emocionante, já assisti, e no final ela mostra ser guerreira e supera tudo que aconteceu :') É lindo e vale a pena assitir. Beijos

    Pandeliciouz.blogspot.com <3

    ResponderExcluir
  7. Oi, Cyh!
    Já assisti a esse filme e gostei bastante do alerta. Esses dias estava vendo um programa sobre isso e descobri que meninas são mais suscetíveis a tais ataques, ainda bem que na faculdade isso não acontece (pelo menos na minha não; lá é todo mundo "riquinho", mas bem gente-boa). O legal é que muita gente (inclusive famosa) acaba abraçando essa causa e outras pessoas encaram o combate ao bullying como profissão, mais ou menos. Sei de uma fotógrafa que fez um trabalho todo com base nisso (porque ela própria sofria na adolescência) e ficou realmente lindo. Não sei se você conhece a banda Raise Against, mas eles têm um clipe que foca bastante no bullying (vale a pena pelo menos ver o clipe, a música é rock, então não sei se você aprecia).
    Love, Nina.
    http://omundocoloridodanina.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Nunca sofri cyberbully e pretendo assistir esse filme logo, super-gostei do enrendo. Já sofri bullying, é horrível, mas acho que na internet deve ser pior ainda. :/

    quiscomentar.blogspot.com

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Voando Sozinha | Cybelle Santos © Todos os direitos reservados.