#Eu assisti: Jogos Vorazes: A Esperança/ Parte 2


Filme: Jogos Vorazes / A Esperança O Final
Título Original:  The Hunter Games: Mockingjay Part 2
Lançamento: Novembro de 2015
Duração: 2 horas e 17 minutos
Distribuidora: Paris Filmes
Baseado no s livros de Suzane Collins
Nota: 5 de 5

Antes de assistir ao filme li algumas críticas sobre o mesmo e alguns desapontamentos com relação a adaptação e o final da saga Jogos Vorazes. Chegaram a comparar com os primeiros filmes da saga e as opiniões eram controversas. Bom, como adoradora dos filmes e da história fui assistir ao filme e o que vi me agradou bastante. Não sei se por não ter lido nenhum livro da saga ainda o filme tenha me agradado mais porém gostei do fim que deram para a saga na adaptação. Antes que você comece a reclamar e falar " ah, mas eu não concordo porque no livro isso e isso". Pare. Agora. Ninguém é obrigado a pensar do mesmo modo e nem a imaginar as mesmas coisas lendo o livro ou não.  Vi muitas críticas com relação a desenvoltura do filme em que muitas partes disseram estar mornas e sem ação. Acontece que, pelo menos pra mim, a saga Jogos Vorazes não é obrigatoriamente focada em ação. A distopia se foca no poder do governo para manter as pessoas sobre seu comando e de como algumas coisas não devem ser toleradas. Minha nota foi 5 e continuará a ser 5 apesar de ver muitos sites dando notas bem abaixo. O final pode até não ter sido como alguns esperavam mas foi bom para encerrar a história de Katniss e dos Jogos Mortais.  

A Esperança parte 2 começa de onde exatamente terminou a parte 1 com Katniss tentando lidar com a mudança de Peeta e a aceitar que ele foi convencido e torturado para pensar que ela é a inimiga. Além disso, todos continuam colocando fé em Katniss para que ela seja o símbolo que derrubará de uma vez por todas a capital e o presidente Snow.  Mesmo com as críticas ainda acho que houve sim, muita ação. Como na exploração das capitais, ou quando ela acabou levando um tiro ou teve que ir pelo subterraneo fugindo de criaturas horríveis. Fiquei muitas vezes surpresa na cadeira do cinema e torcendo para que ela escapasse. A Esperança parte 2 também me surpreendeu, como naço li o livro não sabia o que esperar e o desenvolvimento dado foi agradável pra mim, pelo menos do ponto de vista visto somente do filme. Jennifer Lawrence continua talentosa como sempre e brilhando na pele da personagem Katniss que parece corajosa e instável ao mesmo tempo. Preocupada com Peeta e a família, com a batalha final contra a Capital e com o fardo de ser um símbolo eu diria que as reações da personagem combinaram com os momentos e as ações da mesma. É impressionante como no final se espera uma coisa e acontece outra totalmente diferente. Há várias perdas tristes durante o filme, então espere sim algumas cenas paradas em muitos momentos do filme mas nada que entendie a ponto de dizer que o filme ficou morno. A Esperança 2 tem potencial e pra mim agradou em todos os sentidos por isso não tirei nenhuma estrela dele. Um final bom para uma saga incrível. Acredito que os primeiros filmes sejam por um lado até melhores porém ainda creio e afirmo a teoria de que o filme foi muito bem encerrado. O finalzinho é sim meloso e calmo, mas se você espera um final porque ele não pode ser feliz? Se espera, um final sangrento e dramático nem assista. Recomendado. Uma pena a saga ter acabado, vou sentir falta.





Ainda se recuperando do choque de ver Peeta (Josh Hutcherson) contra si, Katniss Everdeen (Jennifer Lawrence) é enviada ao Distrito 2 pela presidente Coin (Julianne Moore). Lá ela ajuda a convencer os moradores locais a se rebelarem contra a Capital. Com todos os distritos unidos, tem início o ataque decisivo contra o presidente Snow (Donald Sutherland). Só que Katniss tem seus próprios planos para o combate e, para levá-los adiante, precisa da ajuda de Gale (Liam Hemsworth), Finnick (Sam Claflin), Cressida (Natalie Dormer), Pollux (Elder Henson) e do próprio Peeta, enviado para compôr sua equipe.


0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Voando Sozinha | Cybelle Santos © Todos os direitos reservados.