Tão diferente

Ei, quem é você pra vir chegando assim? Você ao menos pediu algum tipo de permissão? Já vem tomando espaço no meu pensamento sem nem ao menos perguntar se pode. Eu te olhei e senti que como se já te conhecesse de algum lugar, mas ao mesmo tempo foi completamente diferente. Tua voz soava como uma melodia sem fim, um encantamento do qual eu não podia fugir. Não sabia exatamente dizer o que era diferente em você, mas as sensações eram únicas. Uma viagem em minhas memórias e agora começo realmente a me lembrar. Você tocou meu ombro e se apresentou. E aqueles olhos claros hipnotizaram os meus, eu sorri sem saber porque exatamente estava sorrindo. Que idiotice! Ah, então você se aproximou do meu rosto e no exato momento que seus lábios tocaram os meus, tive a certeza de que aquilo era totalmente diferente de qualquer coisa que eu já tinha experimentado. 


Não falo diferente da boca pra fora, falo do êxtase que senti enquanto teus lábios exploravam os meus. Falo especificamente do modo com que seu beijo me fez sentir, tão bem e tão a vontade comigo mesma coisa que eu já não sentia há um tempo. Sua pele quente e seu toque delicado, o modo como encostava em mim com todo cuidado com medo de que fosse me machucar ou me quebrar me arrepiava.  Eu só podia te olhar e sorrir, mas ao mesmo tempo cair na real de que nunca mais te veria de novo. Quando sua mão foi ao meu cabelo, empurrando-o para trás da orelha eu senti meu coração apertar dentro do peito novamente. Eu estava sentindo, sentindo todas as sensações que evitei sentir durante todo esse tempo. Não me permiti pensar nesses momentos e lá no fundo eu não queria pensar. 



Queria seguir meus desejos por únicos segundos, quero deixar esse momento me levar para lugares dentro da minha imaginação, dentro de mim. Agora, apenas me pergunte o que estou fazendo que vou te responder exatamente que não sei.  O que eu quero do futuro, o que quero do amanhã, a única coisa que eu sei é que quero esse momento agora enquanto você me olha nos olhos e sorri dizendo que sou uma das coisas mais bonitas que já viu. Não penso que quando for dormir e acordar no outro dia você será somente uma lembrança, uma lembrança boa demais no meio de tantas outras que me entristeceram. 


Se a minha consciência me chamar, apenas direi que não posso. Vou continuar seguindo meus desejos, então te beijo novamente enquanto sua mão passa pelo meu rosto. Nossos lábios se desgrudam e eu posso respirar e sorrir de uma forma totalmente sincera e feliz. Vou ficar com esses desejos, vou saciar essa vontade de estar bem, vou aplacar todo o vazio por esses minutos. Não sei bem o que esperar, só sei encostar a cabeça no teu ombro enquanto você me abraça e diz que não conheceu ninguém igual a mim. Só sei pensar no quanto você me fez bem, agora, nesse momento e hoje.
Comentários
1 Comentários

1 comentários:

  1. Sempre arrasando, sempre conseguindo fazer com que eu me sinta melhor. Texto lindo... ♥
    Beijos!
    www.diariodostreze.blogspot.coma
    Ariane!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Voando Sozinha | Cybelle Santos © Todos os direitos reservados.