Resenha de livro: O Livro das princesas

Eu estava mais do que ansiosa por esse livro. Por 2 motivos maiores. Meg Cabot e Paula Pimenta juntas em um livro eu entrei em colapso! Conhecia um pouco do trabalho da Lauren Kate pois já tinha lido o primeiro livro da série Fallen e amado. Não conhecia o trabalho da escritora Patrícia Barborza, mas vou comentar mais adiante. O livro das princesas, é nada mais nada menos que uma releitura de alguns contos de fadas, para uma versão mais moderna dos dias atuais. Cada autora escolheu uma princesa.

( Fotos retiradas da internet)

A modelo e o monstro

O primeiro conto é intitulado: A modelo e o monstro da super hiper mega talentosa e criativa e adorada autora Meg Cabot que trouxe uma releitura da princesa Bela que na história é uma super modelo adolescente famosa que estampa capas de revistas, porém ela está em uma viagem de cruzeiro com sua família, e acaba cruzando com um passageiro misterioso incrivelmente rico que a salva de uma situação de perigo, o misterioso passageiro parece querer se esconder e não mostrar sua identidade, enquanto a modelo parece determinada a descobrir. Achei que a Meg uniu muito bem os elementos do conto a Bela e a Fera, com a história, o fato de colocar a personagem como modelo, o rapaz de um outro modo para que ele parecesse como fera( não vou contar para não soltar spoiler pra que não leu rs) e também ressaltou o fato de como ela gosta de ler( coisa que me fez lembrar muito do desenho, que a bela também gostava de ler). Com um final, super fofo, e com um toque mágico de Meg e nada a reclamar a história flui super bem e tem um desenvolvimento claro e rápido.


Princesa Pop

O segundo conto intitulado Princesa Pop é da super fofa autora brasileira Paula Pimenta que é super adorada aqui no Brasil pelo seu jeitinho super gostoso de escrever. E ela não deixou a desejar nesse. Escolhendo como princesa a Cinderela, Paula conseguiu unir os principais elementos da história em uma história super gostosa que me pareceu ser a mais longa, que teve mais capítulos do livro. Pra começar, a personagem meio que já tem o nome da Cinderela emendado com o nome e o sobrenome, e como ela já ep dj, quando pronunciado junto não é que se torna dj Cinderela? E o que seria de uma história de Cinderela sem uma madrasta que se faz de boazinha e duas irmãs chatas? pois é, elas estão lá também. E sem contar o príncipe, que nesse caso é um super astro teen famoso. Cintia acaba perdendo seu sapatinho em uma festa, ops quer dizer seu All Star, e o cantor a procura desesperadamente por aquela garota que parece ser diferente de todas. Será que essa história tem um final feliz? Paula cativa com aquela linguagem que já estamos acostumadas em seus livros e não tem nada pra decepcionar, conseguiu captar os elementos principais da história e colocá-los de uma forma bem desenvolvida em uma releitura bem interessante, que me lembrou alguns filmes que eu já assisti como A nova Cinderela, outro conto da nova Cinderela( era uma vez uma canção), mas nada a reclamar, a Paula é encantadora como sempre, e a história é encantadora.


O Eclipse do Unicórnio

O terceiro conto intitulado  Eclipse do Unicórnio é da autora Lauren Kate e ela escolheu a princesa Bela adormecida. Juro, que esse conto foi o decepcionante do livro pra mim.. Confesso que a troca de visão do conto me confundiu bastante, não vi muita irreverencia na forma de escrever na nova versão do conto, a única coisa que vi, foi a inserção do unicórnio, e mesmo nada que me chamou muita atenção. Posso me arriscar a dizer que as páginas me deixaram um pouco tediosas ao se passarem e esse foi o único conto que me deixou realmente decepcionada, porque esperava realmente mais dessa autora e até mais por ter escolhido uma princesa com uma história tão interessante para uma releitura. Enfim a história ficou confusa ao meu ponto de vista e não me agradou. Uma pena.

Do alto da Torre
O quarto e último conto  é de uma brasileira Patrícia Barboza autora da série As mais para pré adolescentes, ela escolheu a princesa Rapunzel e intitulou o conto como do alto da torre. Primeiramente, vou confessar que me surpreendi. Eu adorei o modo como a Patrícia escreve de um modo tão confortável e gostoso. Daqueles bem leves e fáceis de se ler. Como não tinha lido nenhuma de seus livros, estava bastante receosa, mas foi só começar a passar os olhos pelas primeiras linhas, que o receio foi embora. Sem que contar que a Patrícia foi super criativa e usou os elementos da história da Rapunzel de uma forma irreverente e super diferente, colocando na história de uma forma simples e nada forçada. Camila se tornou uma garota super fofa aos olhares do leitor e o desenvolvimento do conto fluiu muito bem. Adorei de verdade.


Concluindo, esse é um livro mágico, daquele pra sonhar de verdade. Toda menina que se preze, já sonhou e suspirou com contos de fadas não é mesmo? Super recomendado!

Sinopse - O Livro das Princesas


"Da mesa da Princesa Mia Thermopolis: Olá, amigos, fãs e companheiros admiradores de princesas (ou eu deveria dizer simpatizantes de princesas?)! Eu mal pude acreditar quando alguém do Brasil permitiu que EU desse uma olhadinha neste livro. Mas acho que faz sentido, já que, além de ser uma princesa, também tenho verdadeira paixão por histórias românticas! Acreditem no que eu digo, este livro tem essas duas coisas de sobra! Mas são releituras contemporâneas, com reviravoltas que farão você dizer owwwwnnnnnn… Uma Cinderela DJ? Rapunzel popstar? Bela é uma supermodelo? E unicórnios em A Bela Adormecida?! Sim, por favor! Mais, mais. POR FAVOR. Não se preocupem, tem mais. Muito mais. Eu amei, e vocês também vão! (Sim, você também vai amar, Tina Hakim Baba. Pode pegar meu exemplar emprestado quando eu terminar de ler. Não, melhor: compre o seu. Assim você vai poder ler de novo e de novo, como eu pretendo fazer.)


Sinceramente, Sua Alteza Real, Princesa Mia Thermopolis"





Comentários
1 Comentários

1 comentários:

  1. Cybelle, eu voltei õ/

    Finalmente minhas aulas terminaram, terei minhas noites lindas livres novamente! *-* E já percebi que o layout mudou, adorei! *-* Não gostava muito do outro, haha. Mas, bom, eu ainda estou terminando esse livro, ainda falta o último conto. Eu também não gostei muito do terceiro conto, achei bem esquisito, não sei. Meio fantástico demais, acho. Confesso, na verdade, que os contos da Meg e da Paula me irritaram um pouco, não sei. Não sou muito dessas meninas de contos de fadas, que os amam e tal. Só aceitei este livro, pois foi presente e porque queria mesmo ler os contos da Meg e da Paula, caso contrário nem teria me importado. Vou terminar de ler o último conto e te digo o que achei, mas de forma geral é um livro bem bobinho, bem pra essas garotas com as cabeças nas nuvens, que ficam sonhando com o príncipe encantado e tudo o mais. Eu já não sou assim. Claro que amo livros românticos, mas sei o quanto eles nos iludem, também.

    Dê uma passadinha no meu blog, se puder. Mudei tudo lá, ainda estou arrumando aos poucos, na verdade. E tem um texto de amorzinho, que acho que você vai gostar! ;)) Beijos, menina! Saudades daqui!

    Love, Nina.
    http://ninaeuma.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Voando Sozinha | Cybelle Santos © Todos os direitos reservados.