Meu boneco de madeira

Eu costumava pegar aquele pequeno globo e colocar sobre minha janela. Gostava de olhar pra ele e fingir entrar dentro daquele mundo.Sacudir bastante e deixar a neve cair. Olhar pra ele e sonhar acordada. Eram minhas únicas possibilidades, eu me sentia tão presa e tão limita. As pessoas a minha volta, costumavam falar que eu tinha que voltar pra realidade, mas eu não queria sair do mundo dos meus sonhos. Viver neles era bem melhor. Eu corria pela sala de estar, e rodopiava na ponta dos pés, me deixava levar pelo som do meu coração. Me falavam que eu não tinha a coragem suficiente para correr atrás dos meus sonhos, que eu sempre sonhei demais. Mas eu sabia que eu tinha coragem necessária para ir atrás do que precisava, mesmo não sabendo direito o que era.


Eu olhei pra cima e de repente as coisas eram bem maiores do que eu imaginava. Tudo mudou em um piscar de olhos. Eu me vi apavorada, pequena e assustada a cada movimento que eu dava.  Eu passei por um buraco e entrei em um outro mundo, diferente do que eu conhecia. Além da minha compreensão e dos meus olhos. Eu te conheci , e com a sua espada você me defendia de todos os perigos que pareciam nos ameaçar. Você poderia até ser um príncipe , mas era só mais um de tantos bonecos de madeira. Eu precisava achar meu caminho de volta, achar meu verdadeiro sonho. Seguir o caminho do meu coração. Você me estendeu sua mão e eu a peguei sem hesitar porque de alguma forma eu confiava. Então eu enfrentaria qualquer obstáculo que encontrássemos,seja lá qual fosse.

Olhando dentro daqueles olhos azuis,  eu tinha certeza que por trás daquele toco de madeira, estava batendo um coração de príncipe. Ele tinha coragem de empunhar uma espada do jeito certo, de estender a mão para eu passar sobre pedra que não estava firme, para se jogar na minha frente e arriscar sua vida. Quando nós colocavam frente a frente, eu só podia sorrir e olhar para baixo, enquanto ele pegava em minhas mãos , e eu queria encostar minha cabeça sobre seus ombros e pedir que ele cuidasse de mim. De um forma bem doce e delicada. Por que era assim que eu sempre quis ser vista. E era exatamente assim do jeito que ele me via. 

Quando no final das contas, ele viu a coragem em mim. Viu a princesa que eu sempre fui, a princesa que eu sempre lutei em esconder, ele acabou trazendo a tona. No momento que mais precisamos, o poder do nosso sentimento transformou o boneco de madeira mais comum de todos no príncipe único dos meus sonhos, a plebeia sonhadora na princesa mais incomum. Eu sempre fui uma princesa  e nunca tinha percebido isso. Sempre fui corajosa o suficiente para conseguir aquilo que queria e correr atrás dos meus sonhos, deixei meus medos tomarem conta de mim.


 Deixei as pessoas me disserem que eu não era capaz. Fui inocente, boba demais. Então ele chegou e tudo mudou. Ele me puxou pela mão para uma dança e eu não pude evitar, com o sapatinho de bailarina no pé. Eu olhei para o chão e ele se levantou facilmente, como se tivesse feito aquilo mil vezes, eu rodopiei enquanto minha outra perna dobrou no ar e junto com meu corpo, você correu em minha direção e me segurou. Colocando as mãos em minha cintura me levantou no ar e eu senti que podia voar. Naquele momento eu não tinha limites, eu estava em um dos meus sonhos, desci lentamente, enquanto toquei o chão apenas com a ponta dos pés.

Mais alguns movimentos, sentindo seus olhos cravados em mim, pude sentir os arrepios passando pelos pelos do meu corpo.Levantamos os braços, ainda olhando um pro outro, a dança termina. Olhos fixos, coração acelerado, isso não termina aqui. Dou um passo a frente, sorrio, sei o que vou fazer. Colo seus lábios nos meus, e nem me importo com o que pensar naquele momento, não importa quanto tempo vai durar. Quero eternizar cada momento. Preciso sentir a mágica disso. Você agarra meu rosto, enquanto me beija mais um pouco .Você é meu príncipe, meu próprio boneco, meu quebra nozes.


* Inspirado no filme " Barbie em o quebra Nozes"
Comentários
2 Comentários

2 comentários:

  1. Oi, é a primeira vez que comento aqui!
    Descobri seu blog hoje e achei bem legal, seus textos parecem ser todos muito bons :3
    Li esse, mas não assisti o filme.
    Achei ele demais, esse primeiro parágrafo foi minha parte preferida. Achei impactante, rs.

    www.bloogdalo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Só mais uma coisinha, rs.
    Você escreve fanfics? iria adorar ler alguma fanfic sua!
    Eu estou escrevendo uma e sempre peço pros meus amigos lerem o primeiro cap e me falarem o que acharam. É claro que eles sempre elogiam, né.
    Ficaria muito feliz se você lesse ao menos o 1º cap da minha fanfic e fizesse uma analise pra mim, com pontos negativos e positivos, pois nenhum dos meu amigos sabe fazer isso. Preciso de críticas, rs.
    Mas é claro que se você não puder eu entendo completamente :) é que achei que você escreve muito bem.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Voando Sozinha | Cybelle Santos © Todos os direitos reservados.