Com medo de mim

Sempre que eu sinto tudo ficando bem, sinto meus pés começaram a congelar. Está ficando frio novamente. Eu começo a tremer, sei que se olhar para os lado não conseguirei encontrar ninguém. Logo quando eu começo a sentir que isso é real, eu coloco meu coração em um cubo de gelo. Por medo de machucar. Não me leve a mal. Mas é que ele ainda não se recuperou totalmente. Está cheio de cicatrizes que nem ao menos secaram ainda. As memórias ainda estão aqui e eu posso ver todas elas. Então eu sinto o medo vindo sobre mim. Eu não queria te afastar. Mas não posso controlar isso. Eu não pretendia te afastar de mim.Eu só estou morrendo de medo de me machucar e perder meu coração mais uma vez. Acho que já perdi as contas. Eu não sei, eu não consigo ver o que acontece comigo. Estou com medo de quebrar e perder a razão de novo. Preciso ficar sã. Preciso me manter focada para não viciar em você. Eu só fico aqui me perguntando o que você pensa de mim e essas questões só aumentam com o tempo. Como posso ter certeza? Ainda não consegui entender porque me machuco tão facilmente. Eu deveria ser mais forte depois de tudo que passei. Mas eu continuo sendo a mesma bobinha de sempre.


Me disseram uma vez que pareço uma princesa encantada a espera do príncipe. Sempre fui muito inocente. Meu coração sempre teimava em se envolver e era sempre nessa parte que eu acabava partindo meu coração. Aqui estão as sombras, todos os meus medos armados e me cercando. Você precisa me ajudar. Eu preciso que você seja a pessoa que possa olhar através dos meus olhos, através do meu coração e saber que precisa ser forte. Forte por mim e por você. Preciso que saiba lidar com todas essas neuras e sombras que me cercam. Eu não posso ficar, mas também eu não posso ir sozinha. Eu sei que agora eu sou minha pior inimiga. Por favor entenda que as vezes não é você, é tudo que eu já passei e tudo que eu tenho medo. Só quando eu tento fugir, que eu percebo quem eu me tornei. Eu não consigo nem dormir. Estou correndo em círculos. 

Você é minha armadilha. Que irá me salvar de mim mesma. Eu sei que você pode ver como estou amedrontada. Eu finjo ser forte, finjo sorrir mesmo querendo chorar. Por que sei que muitas pessoas ao meu redor não irão compreender. Eu quero que você compreenda. Quando estou chateada destina a uma catástrofe. Estou girando tentando encontrar o caminho. Encontrar um jeito. Eu sei que minha cabeça está cansada de procurar respostas. Estou espantada com o que posso sentir por você. Não sei aonde isso pode me levar e isso me assusta. Quando estou machucada preciso de um lugar seguro. Quero alguém que me ouça gritar , não quero mais ser pedida e sozinha. Se eu perder o chão quero que me entenda e veja o que eu não posso ver. Então encontre um jeito de me fazer sentir segura. Me faça não ter medo de amar você.
Comentários
2 Comentários

2 comentários:

  1. Eu não posso ficar, mas também eu não posso ir sozinha. Eu sei que agora eu sou minha pior inimiga.

    somos sempre nossos piores inimigos~




    meu blog tá selecionando colaboradores oficiais, vem saber como !

    http://www.nandscampos.blogspot.com.br/2013/07/chamada-selecao-de-colaboradores.html

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Voando Sozinha | Cybelle Santos © Todos os direitos reservados.