Eu lembrarei disso

Nós nunca esperamos que certas coisas aconteçam. E eu certamente não esperava te ver. Naquele lugar. Aquilo era realmente possível? Paralisei, porque vi você do outro lado da rua. Não. não pode ser. Devo estar me confundindo. Mas você sorria, aquele sorriso que me fazia derreter por dentro. E então enquanto eu te olhava você me viu, parada, que nem uma idiota. Tentei disfarçar, achei que você fingiria que não me viu. Mas ao contrário de tudo, você atravessou a rua, e veio em minha direção me abraçando como se não houvesse acontecido nada antes. Aquele abraço que eu senti falta tanto tempo.Estava do mesmo jeito. Com o mesmo rosto. O mesmo sorriso. Você olhou nos meus olhos. E acho que se lembrou também. Da última vez que nos falamos, acabou em briga.


E briga feia. Cada um para o seu lado e sem mais nenhum contato. Eu esperava que as coisas fossem as mesmas.A verdade é que eu nem sabia o que esperar. Mas sabia que não era a  mesma coisa, que apesar de eu conhecer aquele rosto, aquela pessoa era desconhecida para mim. Sei que você sentiu o mesmo. O que nós tivemos é algo que não se pode repor. Algo que não pode ser igual Foi forte e intenso demais. Naquele momento eu soube que todas as memórias não foram embora como eu pensava. E queria que me mantivesse no seu coração pra sempre. Por que acho que você de certa forma ainda habita o meu. Por mais repugnante que seja. Por mais que eu me odeie. De qualquer forma você me fez acreditar, que eu posso fazer tudo sozinha. Aguentar tudo. Através de todas as lágrimas e de toda a dor. Então, enquanto estamos aqui. Só me diga, que lembrará de mim ainda. Não importa quanto tempo passe. 

Porque eu sei que algumas partes do que vivemos foi verdadeiro. E você também sabe disso. Você é aquele de quem eu sempre senti falta; Aquele que eu nunca superei. Aquele que eu procurei em todos os outros e não achei, porque o que tivemos não pode ser repetido. Nunca pensei que sentiria algo assim. De certa forma, no fundo do meu coração, eu sempre estarei lá pra você. Não importa o que estiver passando, eu sempre estive. Em meu coração, um pequeno rastro seu nunca se apagará, e eu sempre lembrarei de você. Lembra da última conversa? Aquela umas das únicas em que conseguimos conversar e eu te prometi que não importaria o que aconteceria, eu nunca esqueceria. Dos momentos que compartilhamos, das confissões trocadas, dos segredos revelados, das lágrimas que choramos, você foi meu sol em um céu escuro. Esse pode ser o acontecimento que nos fará nos lembrar mais tarde. E talvez nos encontrarmos novamente, mesmo que em caminhos diferentes. Você me disse que sempre ia se lembrar. Que sua vida tinha ganhado outra forma comigo. Mais colorida. E eu não posso esquecer disso

Eu me lembrarei de você, do seu rosto, do seu sorriso, das flores e de você subindo pela escada, da tatuagem no seu braço com a inicial do meu nome e do coração na areia. Eu lembro das lágrimas, dos meus segredos revelados, da sua mão sobre a minha, da aliança com seu nome e do seu sorriso quando me fazia uma surpresa. Eu te amei com todo meu coração. Com toda minha alma. E então tudo acabou. Eu volto no tempo e estamos de volta, naquela calçada, depois de tanto tempo. Você pergunta algumas coisas, eu respondo, mais alguns minutos e você vai embora. Ainda vejo você virar a cabeça e olha pra mim. Eu continuo caminhando. Sei que não poderei esquecer. Eu fiz uma promessa. E meu coração sabia muito bem o que significava.
Comentários
4 Comentários

4 comentários:

  1. Tem game lá no blog... Participe...
    http://estilosgirls.blogspot.com.br/p/game-participee.html

    ResponderExcluir
  2. Nossa, que tocante. Tem algumas partes sobre algo parecido no meu diário...

    ResponderExcluir
  3. Amei o blog,seguindo se puder segui o meu http://vidaa-de-adolescentee.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Amei o texto e amei seu cantinho :)

    http://fazpartedocotiadiano.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Voando Sozinha | Cybelle Santos © Todos os direitos reservados.