Filme: Quase 18

Filme: Quase 18
Título Original: The Edge of Seventeen
Lançamento: Ainda sem data no Brasil
Duração: 1 hora e 48 minutos
Distribuidor: Sony Pictures
Nota: 5 de 5

Só soube do lançamento desse filme porque vi em algum site de notícias uma entrevista com a atriz Hailee Steinfeld falando sobre seu novo longa. Ai em um dia aleatório acabei me deparando com a oportunidade de assistir o mesmo e lá fui eu embarcar em mais um filme adolescente. E eu gostei muito do resultado.Antes de me aprofundar, vamos falar do enredo como sempre. O filme giram em torno de Nadine, uma jovem que sempre se sentiu sozinha. Desde o começo do filme, ela cita comparações suas com relação ao irmão que na visão dela tinha tudo queria de uma forma perfeita, enquanto ela..bem ela tinha que lidar com as injustiças que aconteciam. Era assim que ela enxergava. Nadine tem apenas uma amiga que se chama Krista e uma queda secreta por um cara da escola que ela nunca trocou nenhuma palavra. Quando ela pega a melhor amiga no quarto do irmão, o mundo da garota desmorona de uma só vez. Sentindo-se mais sozinha do que nunca, Nadine tem que lidar com uma mãe que não lhe dá tanta atenção, um irmão perfeito, uma amizade perdida e a perda de seu pai que parecia ser o único a se importar com seu bem estar. Nesse misto de confusões pessoais com sentimentos ela faz amizade com um garoto de sua classe super fofo e simpático que dá vários indícios de que gosta dela mas ela não enxerga. Nadine cresce muito durante a trama e precisa aprender a lidar com as pressões, as sensações e os acontecimentos da adolescência.

Eu posso destacar aqui pra vocês muitos e muitos aspectos positivos desse filme. Quase 18 tinha tudo pra ser mais um filme teen clichê com um enredo parecido com outros que já foram lançados, mas as coisas são conduzidas de uma forma totalmente diferente e devo dizer muito interessante. A personagem principal interpretada pela Hailee Steinfeld é muito talentosa. Dá pra notar isso nas mudanças de comportamento que ela traz pra personagem. É verdade que esse filme traz inicialmente muitos assuntos clichês, mas isso é muito bem desenvolvido na trama com a dosagem de um pouco de comédia, romance juvenil e dramas.  A personagem cativa por saber exatamente transmitir as sensações principais que habitam os jovens nessa faixa etária. O fato de se vitimizar, sofrer muito, cometer besteiras e crescer para entrar na vida adulta. 

O filme soube retratar bem a passagem do jovem para o mundo adulto de uma forma bem madura e realista. A personagem é autêntica assim como muitos acontecimentos parecem ser " o fim do mundo" pra personagem que sente "injustiçada" em muitos momentos. Você deve estar pensando que uma personagem assim deve ser chata, mas o que acontece durante o desenvolvimento do mesmo te faz lembrar da adolescência e dos mesmos medos e neuras da personagem. Ela cresce de uma forma bem interessante e quando consegue enxergar as coisas como são, o filme fica ainda mais interessante e proveitoso. Os personagens são bem construídos e firmes, sendo assim o enredo se desenvolve de uma forma constante e não deixa a desejar. 

Você ri com Nadine. Você se comove com Nadine. Você se identifica com Nadine. Você quer em algum momento ser amiga de Nadine. Esses foram alguns pensamentos meus durante longa. É um filme diferente mas ao mesmo tempo comum que foi muito bem dirigido e desenvolvido, contando com personagens interessantes, enredo bem construído e uma colocação de temas clichês usados da forma certa durante o mesmo. É um filme bacana, interessante e que vai te fazer lembrar da adolescência ou se identificar em algum momento. Recomendo.





Crescer não é nada fácil para alguns, como para Nadine (Hailee Steinfeld), uma estudante que está enfrentando uma difícil situação desde que sua melhor amiga, Krista (Haley Lu Richardson), está namorando com o seu irmão mais velho, Darian (Blake Jenner). Nadine se sente mais sozinha do que nunca, ao menos até começar uma amizade com um jovem atencioso (Hayden Szeto).




0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Voando Sozinha | Cybelle Santos © Todos os direitos reservados.