Talvez seja isso

Exatamente neste momento não faço a mínima ideia do que sinto. Em alguns dias estou animada e em outros só quero fechar os olhos e fazer tudo desaparecer. O vazio continua ai e preenche-lo tem sido uma tarefa cada vez mais complicada. Não sei o que vou sentir amanhã ou daqui pra frente. Não sei por quanto tempo vou continuar tendo essa falsa esperança. Me disseram que minha ingenuidade me atrapalha para enxergar as coisas como elas realmente são. Talvez eu só queira ser ingênua pra acreditar mais nas pessoas mesmo não devendo. Talvez eu só queira ser ingênua para não ter receio de viver cada momento como ele deve ser vivido. Sem medo, ou precipitações. Quando coloco a cabeça no travesseiro toda noite, sonho com uma vida que eu nem sei se terei um dia.Onde eu posso pegar uma estrada sem saber pra onde ela vai me levar, descobrir as coisas que não foram descobertas. Sentir coisas diferentes, colocar a cabeça na janela e só olhar pro céu. Sentir o vento nos meus cabelos e fechar os olhos repetindo que posso ficar ali quanto tempo quiser. Quero abraçar a liberdade, a vontade de fazer coisas malucas e pensar em coisas ainda mais malucas para sair de uma situação complicada. Quero imprevistos e risadas espontâneas. Estou longe de conseguir isso?  



Quando estou na escuridão, organizando meus pensamentos, rebobinando lembranças e pensando no que poderia ter feito imagino também um futuro cheio de coisas previsieis. Me imagino totalmente apaixonada e boba, entrando pela igreja de branco, preparando minha filha para o mundo.Viajo nessas fantasias e me permito por um momento pensar que elas sejam reais por mais tolo que pareça.Dá medo caminhar em uma direção incerta, em escolher um caminho que você nem ao menos sabe onde vai dar. Por isso eu corro pelo máximo de tempo que puder, conto até 5 e digo que posso continuar mais um tempo. Então algo se aperta dentro de mim e sinto que vou perder o fôlego a qualquer momento. Respiro fundo e tento correr novamente.Preciso alcançar todos os meus objetivos mesmo não sabendo onde posso parar e nem se vou mesmo conseguir alcança-los. É assim que as coisas são e eu talvez só queira que as coisas funcionem pra variar um pouco. Talvez eu só não saiba como agir.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Voando Sozinha | Cybelle Santos © Todos os direitos reservados.