Resenha de Livro: Não se Iluda, Não


Livro: Não se Iluda, Não
Autor: Isabela Freitas
Ano: 2015
Páginas: 272
Editora: Intrínseca
Nota: 5 de 5 ( Meu queridinho) 

Quando esse livro chegou eu quase morri de coração. Quanta coisa bem feita em um livro só. Se vocês acompanham o blog, notaram na resenha do primeiro livro da Bebela (Não se Apega, não) que eu AMEI o livro. Se tem uma coisa que eu amo na Intrínseca é o capricho deles com os livros. Nota 10 em toda a preparação e cuidado com esse livro da Bebela. Uma capa linda, com uma cor que eu amo e que chama atenção. Preparação, diagramação e tudo mais nota 10. Muito bem feito e muito bem caprichado. Mas deixando de lado os aspectos gerais do livro, vamos falar do conteúdo. Estava ansiosa pra ver que rumo a Bebela daria para a personagem Isabela ( mesmo nome dela) no livro. Uma coisa que me agradou de cara? Logo no início você dá de cara com as 20 regras pra não se iludir. Que coisa fofa. E olha só, 20 regras cheias de verdades. Acho impressionante como a Bebela me traduz de uma forma meio psíquica e assustadora. O jeito de contar a história é bem parecido com o primeiro capítulos divididos por folhas coloridas com uma frase grande para definir. A diferença é que agora Isabela está mais consciente de quem ela é, apesar de ainda sofrer muito em muitas ocasiões. Determinada a seguir seu sonho de ser escritora e publicar um livro ( sei que a personagem não retrata a vida real da Isabela autora do livro mas que parece muito, parece) Isabela decide criar um blog para desabafar sobre as coisas que acontecem ao seu redor com seus amigos, acontecimentos, paqueras e pensamentos. Durante uma viagem com esses amigos, a personagem se vê no meio de um problema mais uma vez já que Pedro seu melhor amigo está cada vez mais próximo dela. 



Então ela conhece um garoto incrível, digno de ser o namorado que sempre sonhou e fica em dúvida com relação a alguns sentimentos que tem pelo melhor amigo. O enredo do livro é bem simples e se desenvolve mais com a personagem narrando detalhes dos acontecimentos. Bebela não deixa de lado seu humor, seus pensamentos e ensinamentos em cada capítulo. Não deixe de rir e de me apaixonar pela autora que me traduziu em inúmeras linhas. O mais legal do livro é as páginas do blog da personagem inseridas atrás de cada capítulo. Adorei a interatividade e a diagramação feita pela editora. O mais legal do livro da Bebela é a reflexão que ele trás, ele te faz pensar junto com a personagem. A medida que a personagem amadurece e acompanhamos sua trajetória aprendemos muita coisa com ela também. Se tem uma coisa que me conquista em livros é a magia de me fazer rir, suspirar e me identificar e esse livro conseguiu tudo isso. Não posso dizer qual dos dois é melhor, só agradecer a Bebela por ter escrito esse livro incrível e por ter compartilhado seus ensinamentos colocando-os no papel. Senti ainda mais vontade de abraçar a Bebela e agradecer pelo livro que me confortou em alguns momentos downs ultimamente. Fiquei com vontade de ser a melhor amiga dela. O livro, pra mim é incrível de muitas maneiras. Pedro continua ainda mais fofo, Isabela continua divertida, tem a prima da personagem que é um barato, a melhor amiga da Isa e a narrativa engraçada e envolvente da personagem. Não se Iluda, não está na categoria de auto ajuda mas com certeza não chega a ser desse gênero. É um livro romântico, interativo, moderno e reflexivo que te faz se identificar com a personagem e é claro torcer por ela. Dá pra tirar várias frases e lições bacanas e é claro leva-las pra sua vida com os acontecimentos da personagem. Se você leu o primeiro, não pode nem pensar em perder esse livro. Merece com certeza uma chance. Um livro que aborda de um modo envolvente tópicos muito frequentes da vida de muitos seres humanos. Bebela, obrigada por esse livro lindo. Parabéns pro pessoal da Intrínseca que caprichou no livro e fez um trabalho impecável em tudo. Bebela é muito sortuda por estar em uma editora tão caprichosa e de qualidade. Sem mais delongas. LEIAM e deixem entrar pra sua lista de queridinhos. Na minha já entrou.



" Não importa quantas chances você está disposta a dar a uma pessoa. Quem te quer mesmo, vai agarrar a primeira. No máximo, a segunda"

" Quem ama vai atrás. Mesmo que se sinta um pouco idiota. Onde tem orgulho fica difícil existir amor"

" Eu sou do time da verdade. Prefiro que me digam a verdade mais cruel do mundo a ser enganada com uma mentira que ameniza.A verdade pode doer e,sim, dói. Mas não deixa dúvidas. Mas as meias palavras induzem a reticencias. E esses três pontinhos podem dar a entender muito mais do que há pra ser dito realmente"

"Eu tenho um grande problema com corações fechados sabe? Eles me despertam uma vontade enorme de escancará-los"

" Não quero ser vítima do destino. Se essa de ser aquele tipo de pessoa que se lamente pelo que não deu certo e amaldiçoa os que chegaram aonde queriam. Deus me livre ser assim! Quero conquistar meu lugar no mundo, ser inesquecível para as pessoas que me cercam e lutar pelo que acredito. Quero cair de cara no chão repetidas vezes, pois quem não se permite cair de vez em quando não sabe a força que tem"

"Se eu pudesse deixar um conselho para posteridade, sabe, só um, com certeza seria: não se preocupe. Tudo vai dar certo. Ou errado. E o errado as vezes é o certo. A vida tem maneiras estranhas de nos mostrar do que precisamos e, muitas vezes, não precisamos daquilo que acreditamos precisar. Compliquei demais? Você vai se decepcionar com as pessoas que mais admira. Elas vão virar as costas quando você mais precisar, acredite. Já aconteceu comigo, com sua mãe, sua vizinha, e tenho certeza de que você é a próxima.Pessoas de verdade estão cada vez mais raras. E procurar essas pessoas não e o mesmo que procurar uma roupa do seu tamanho num shopping lotado. "




Não Se Iluda, Não - Depois de passar um ano sem namorado, Isabela está determinada a realizar o grande sonho de ser uma escritora reconhecida. Resolve dar os primeiros passos anonimamente, criando um blog onde assina como 'A Garota em Preto e Branco'. Em seu diário virtual, ela desabafa, fala dos amigos, dos não tão amigos assim, e confessa suas aventuras e desventuras amorosas. Assunto é o que não falta. Durante uma temporada agitada em Costa do Sauípe, na Bahia, acompanhada por Pedro, Amanda e sua insuportável prima Nataly, Isabela conhece o irresistível Gabriel, um sujeito praticamente perfeito, a não ser por um pequeno detalhe... Entre shows e passeios na praia, Isabela precisa admitir para si mesma que sente uma atração cada vez maior pelo seu melhor amigo. Em seu segundo livro, Isabela Freitas dá sequência às histórias dos personagens de 'Não se apega, não'. Dessa vez, com a cabeça nas nuvens e os pés firmemente no chão, a personagem Isabela vai em busca daquilo que seu coração realmente deseja, mesmo quando seu caminho é bem acidentado e cada curva parece esconder uma nova surpresa.


0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Voando Sozinha | Cybelle Santos © Todos os direitos reservados.