#Texto: Por que não pode ser assim?

Lembro da primeira vez que nos beijamos. Você disse que nunca tinha sentido um beijo tão intenso e me abraçou de um modo que fez sentir acolhida. Agora que mal nos falamos e vejo onde estamos não sei bem o que pensar quando os momentos voltam na minha cabeça. Queria te dizer de novo, várias e várias vezes tudo que eu imaginei, tudo que poderíamos ter feito juntos. Eu sinto sua falta. Sim, eu sinto. Sei que você me deu todos os motivos pra não sentir mas isso ainda não fez efeito. E eu me sinto ainda mais idiota por admitir isso. Quando penso no que sinto falta, não consigo definir bem o que é. Você me irrita tanto. Tanto que chega a derrubar lágrimas e ao mesmo me faz rir. Quero ter raiva de você, fica brava mas tudo que consigo é sentir vontade de falar contigo de novo. Como se nada tivesse acontecido. Como se suas palavras e ações não tivessem arrancado lágrimas de mim mais do que eu posso me lembrar agora. 


Fiquei olhando, apenas olhando pro seu número no meu celular. Esperando por um indício de que você fosse falar comigo, de que você se lembrou de mim em algum momento. Mas tudo pra você é tão simples, tão indiferente. Queria poder trocar de lugar te contigo pra que você me entendesse melhor e eu pudesse te entender também. Enquanto escrevo isso, estou querendo muito falar com você. Dizer pra tentarmos de novo, dar alguma outra desculpa furada até você repetir suas ações e eu me machucar mais um pouco. Até onde esse círculo vicioso vai? Até quando vou me sentir presa a você? Até quando você vai fingir que não enxerga, que não vê o porque de eu realmente ainda estar aqui. Eu só queria você por perto. Só queria poder contar com você. Queria poder te abraçar na rua. Te beijar em um dia frio. Andar por ai com você em cima de uma moto, enquanto encosto a cabeça nas tuas costas e você envolve meus braços em torno da sua cintura, acariciando minha mão.

 Queria as risadas, as besteiras e o modo como éramos no começo. Eu queria ser sua. Por que não pudemos ser assim? Por que não pode ser assim? Me diga um motivo real, me explica de uma forma coerente como chegamos até essa situação. Que droga. Eu gosto tanto de você. Eu gosto pra caralho de você. E por que tem que ser assim? Poderíamos nos abraçar na rua. Eu poderia te beijar em um dia frio. Poderia estar do seu lado. Não sei mais o que fazer em relação a isso. A você. A nós. Não sei mais.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Voando Sozinha | Cybelle Santos © Todos os direitos reservados.